Faltam...

Daisypath Happy Birthday tickers

27 novembro 2009

Só temos saudades do que foi bom

Hoje passei em frente à Faculdade de Economia do Porto. Lembrei-me do dia em que lá fui ver as pautas de admissão à Universidade e o nome meu nome estava lá, no curso que queria, na universidade que queria.

Vai daí lembrei-me (o trânsito estava mesmo muito lento deu para isto tudo) do meu fantástico ano de caloira, dos meus amigos que conheci nesses dias, do que me diverti, das viagens, da Mondinense (ah CD!, como tu gostaste da Mondinense), das noites de terça bem passadas a ver filmes no Grande Auditório, das quartas-feiras académicas quando o Clube 84 era o sítio ideal para acabar a noite bracarense e o Sec XIX era o que se conseguia arranjar.
Foi lá que conheci o G. e me apaixonei mesmo a sério, mesmo não querendo. :)

Tenho saudades desses tempos, assim como tenho saudades do Secundário e do Básico. Provavelmente no futuro, terei saudades dos dias que vivo hoje.

Só temos saudades do que foi bom, por isso ter saudades significa que vivemos bons momentos. E disso não me posso queixar....

Ter Pau afinal é bom

Quando passarem por Beja, poderão certificar se é verdade ou não.
O Registo Civil de Beja recebeu o seguinte requerimento:
Beja, 5 de Fevereiro 2006.
Eu, Maria José Pau, gostaria de saber da possibilidade de se abolir o sobrenome Pau do meu nome, já que a presença do Pau me tem deixado embaraçada em várias situações. Desde já agradeço a atenção despendida.
Peço deferimento,
Maria José Pau.

Em resposta, recebeu a seguinte mensagem:

Cara Senhora Pau:
Sobre a sua solicitação da remoção do Pau, gostaríamos de lhe dizer que a nova legislação permite a remoção do Pau, mas o processo é complicado e moroso. Se o Pau tiver sido adquirido após o casamento, a remoção é mais fácil, pois, afinal de contas, ninguém é obrigado a usar o Pau do cônjuge se não quiser. Se o Pau for do seu pai, torna-se mais difícil, pois o Pau a que nos referimos é de família e tem sido utilizado há várias gerações.
Se a senhora tiver irmãos ou irmãs, a remoção do Pau torná-la-ia diferente do resto da família.
Cortar o Pau do seu pai pode ser algo muito desagradável para ele. Outro senão está no facto do seu nome conter apenas nomes próprios, e poderá ficar esquisito, caso não haja nada para colocar no lugar do Pau. Isto sem mencionar que as pessoas estranharão muito ao saber que a senhora não possui mais o Pau do seu marido.
Uma opção viável seria a troca da ordem dos nomes. Se a senhora colocar o Pau na frente da Maria e atrás do José, o Pau pode ser escondido, pois poderia assinar o seu nome como 'Maria P. José'.
A nossa opinião é a de que o preconceito contra este nome já acabou há muito tempo e visto que a senhora já usou o Pau do seu marido por tanto tempo, não custa nada usá-lo um pouco mais.
Eu mesmo possuo Pau, sempre o usei e muito poucas vezes o Pau me causou embaraços.
Atenciosamente,
Bernardo Romeu Pau Grosso
Registo Civil de Beja

24 novembro 2009

Há cada doido....

Mas esta gente existe mesmo?

"Cinco razões para não usar preservativo"



Este anúncio foi considerado o melhor anúncio governamental europeu de prevenção da sida num concurso internacional.
Muito bom...

20 novembro 2009

Muito bom

E de repente fico a saber que o meu desempenho foi classificado como muito bom.

Confesso a minha surpresa e a minha alegria. E tudo o que me vem à cabeça dá-me vontade de rir porque só me lembram as vencedoras dos Oscars:
"Uau! não estava nada à espera. É muito bom sermos valorizadas pelo nosso trabalho. Quero agradecer ao G. pela paciência e pelo apoio e à minha familia e amigos por estarem disponíveis quando eu não estive."
Mas a verdade é mesmo isto que penso. Por isso, aqui fica o meu "obrigada"...

18 novembro 2009

"Lembrei-me de ti...."

O PP mandou-me um e-mail a dizer: "vi isto e lembrei-me logo de ti".
*suspiro*
Tem bons motivos para se ter lembrado! :)

17 novembro 2009

Dois anos e meio

Dois anos e meio de amor, alegria, ternura, preocupação e (alguns) receios. Acima de tudo, dois anos e meio bem preenchidos.
Infelizmente a efeméride foi manchada por uma ida de urgência ao médico, uma garganta infectada e "tudo o que entra sai" do estômago.
Melhores dias virão e comemorações mais felizes também.

01 novembro 2009

Sistema ao Quadrado


www.ojogo.pt